Backup do Musica

Arquivo para a categoria ‘Pop’

>Jessie J

>


Jessie J – confira o pop dessa inglesa de 22 anos, que sem dúvida será a grande musa desse ano (aliás já está sendo). Seu álbum “Who You Are” está no Forum (baixe rápido, que logo tiram do ar).

Para ser direcionado ao post
CLIQUE AQUI

Anúncios

>Burt Bacharach – The Definitive Burt Bacharach Songbook (2006)

>


CD 1:
01.: The Look Of Love – Dusty Springfield
02.: Walk On By – Gabrielle
03.: Magic Moments – Perry Como
04.: (There’s) Always Something There To Remind Me – Sandie Shaw
05.: Raindrops Keep Falling On My Head – B.J. Thomas
06.: I Just Don’t Know What To Do With Myself – Dusty Springfield
07.: Do You Know The Way To San Jose? – Dionne Warwick
08.: Baby It’s You – The Shirelles
09.: Please Stay – the Drifters
10.: Don’t Make Me Over – Dionne Warwick
11.: Tower Of Strength – Gene McDaniels
12.: There Goes The Forgotten Man – Jimmy Radcliff
13.: Man Who Shot Liberty Valance – Gene Pitney
14.: Mexican Divorce – The Drifters
15.: The Story Of My Life – Marty Robbins
16.: Nikki – Burt Bacharach
17.: Promises, Promises – Burt Bacharach
18.: Blue On Blue – Bobby Vinton
19.: Empty Place – The Searchers
20.: Odds & Ends – Dionne Warwick
21.: A House Is Not A Home – Brook Benton
22.: One Less Bell To Answer – Burt Bacharach
23.: You’ll Never Get to Heaven (If You Break My Heart) – The Stylistics
24.: Any Day Now (My Wild Beautiful Bird) – Chuck Jackson
25.: Only Love Can Break A Heart – Gene Pitney

*OUÇA: Raindrops Keep Falling On My Head
http://www.4shared.com/embed/467416844/6449a2ca

CD 2:
01.: Close To You – Dusty Springfield
02.: I Say A Little Prayer – Aretha Franklin
03.: What The World Needs Now Is Love – Jackie De Shannon
04.: Make It Easy On Yourself – The Walker Brothers
05.: What’s New Pussycat – Tom Jones
06.: I’ll Never Fall In Love Again – Dionne Warwick
07.: Wishin’ And Hopin’ – Dusty Springfield
08.: Breaking My Heart – Burt Bacharach
09.: Reach Out For Me – Nancy Wilson
10.: Wives And Lovers – Jones, Jack
11.: Twenty Four Hours From Tulsa – Gene Pitney
12.: Trains And Boats And Planes – Burt Bacharach
13.: Anyone Who Had A Heart – Cilla Black
14.: Made In Paris – Trini Lopez
15.: I Wake Up Crying – Chuck Jackson
16.: This Girl’s In Love With You – Dusty Springfield
17.: Living Together Growing Together – 5th Dimension
18.: Be True To Yourself – Bobby Vee
19.: Alfie – Cilla Black
20.: Let The Music Play – The Drifters
21.: It’s Love That Really Counts (In The Long Run) – The Shirelles
22.: Arthur’s Theme (The Best That You Can Do) – Christopher Cross
23.: The Windows Of The World – The Pretenders
24.: That’s What Friends Are For – Dionne Warwick, Elton John, Gladys Knight & Stevie Wonder
25.: God Give Me Strength – Burt Bacharach & Elvis Costello

*OUÇA: I Say A Little Prayer
http://www.4shared.com/embed/467419674/1d99cc55

MULTIDOWNLOAD – CD1

MULTIDOWNLOAD – CD 2

>Pholhas – 20 Super Sucessos (2006)

>


Numa fria manhã do mês de junho de 1968, na cidade de São Paulo, Helio Santisteban, Paulo Fernandes e Oswaldo Malagutti haviam acabado de sair da banda “WANDER MASS GROUP” e pretendiam montar outro grupo que tivesse mais a ver com a personalidade musical deles. Convidaram então o amigo Wagner “Bitão” Benatti, guitarrista e vocalista (autor, aliás, da música Tijolinho – um dos grandes sucessos da Jovem Guarda) que já havia tocado com várias bandas mas oportunamente estava sem banda fixa. Como os quatro rapazes tinham a mesma afinidade musical, após algumas conversas e encontros Bitão aceitou o convite e no início de 1969, mais precisamente no dia 18 de fevereiro, fizeram o 1º ensaio juntos sendo essa a data oficial da fundação da nova banda que após quase dois meses de ensaios ainda não tinha nome. Foi então que um grande amigo dos rapazes: Marco Aurélio, o Lelo, sugeriu “PHOLHAS”, que grafado com “PH” ficava um tanto quanto diferente, sendo prontamente aceito sem restrições por todos.Já com o novo nome a banda fez sua estréia oficial num baile no bairro do Tatuapé em maio daquele mesmo ano e apenas três anos depois, após muitos e muitos bailes com enorme sucesso, o “PHOLHAS” tinha conseguido incorporar ao seu patrimônio uma das melhores aparelhagens dentre os grupos musicais da época e também uma enorme legião de fiéis admiradores. (Transcrito do site oficial : http://www.pholhas.com.br)

01.: She made me cry
02.: I started a joke
03.: My mistake
04.: Listen to the music
05.: Forever
06.: Have you ever seen the rain?
07.: If
08.: Skyline pigeon
09.: Reflections of my life
10.: All by myself
11.: Smoke gets in your eyes
12.: A whiter shade of pale
13.: Proud mary
14.: Venus
15.: In my way
16.: Bus stop
17.: Unchained melody
18.: Blue suede shoes
19.: It’s too late
20.: Stormy

*OUÇA: My mistake
http://www.4shared.com/embed/460646118/5fd631de

MULTIDOWNLOAD

>Anna Nalick

>

>Anna Nalick – Wreck Of The Day (2006)

>


01.: Breathe (2 AM)
02.: Citadel
03.: Paper Bag
04.: Wreck of the Day
05.: Satellite
06.: Forever Love (Digame)
07.: In the Rough
08.: In My Head
09.: Bleed
10.: Catalyst
11.: Consider This
12.: Wreck of the Day (Acoustic)
13.: Drink Me (Early Demo)
14.: Soldier (Early Demo)
15.: More Than Melody (Early Demo)

*OUÇA: Wreck of the Day
http://www.4shared.com/embed/458909196/9162db16

MULTIDOWNLOAD

>Anna Nalick – Shine (EP 2008)

>


01.: Shine (Album Version)
02.: Breathe (2am) (Acoustic Version)
03.: Wreck Of The Day (Acoustic Version)
04.: Breaking The Girl
05.: Shine (Acoustic Version)

*OUÇA: Shine (Album Version)
http://www.4shared.com/embed/458938900/58cc8967

MULTIDOWNLOAD

>Amedeo Minghi

>


Amedeo Minghi é um dos mais famosos artistas italianos. Ele é um autor de melodias soberbas que nunca envelhecem, e de letras poéticas, que falam do amor de maneiras que são sempre novas e originais. Amedeo Minghi é talvez o único músico e compositor que é verdadeiramente italiano, profundamente italiano, historicamente italiano. Ninguém como ele, no reino das canções de qualidade dos últimos anos trinta e cinco, foi capaz de combinar de forma eficaz os sons poderosos de uma grande orquestra com as modernas técnicas electrónicas e as harmonias complexas do teclado, e ainda produzir fiéis música para a mais autêntica e nobre tradição italiana melódica. Hoje suas canções, sem exagero podem ser consideradas breves óperas sinfônicas. São exemplos concretos de música erudita contemporânea que não permanece, contudo, restrita a um grupo de elite de admiradores, mas atinge o topo das paradas pop e atinge um sucesso que tem todas as características dos fenômenos pop e rock. (Alessandro Carrera – from “A conversation with Amedeo Minghi” – Casa Italiana Zerilli-Marimó on April 24, 2000)

Nuvem de tags